bi:publico:projeto_bi

Projeto BI CBMDF



A Comissão para Desenvolvimento de Painéis de Gestão de Negócios foi criada com o objetivo apresentar as informações disponíveis nas 68 (sessenta e oito) diferentes bases de dados, cada uma contendo diversas tabelas e campos necessitando um grande trabalho de mapeamento para identificação dos campos necessários para a elaboração dos referidos painéis.

O trabalho desenvolvido pela comissão possibilitou o Business Intelligence - BI de acesso aos dados relevantes da instituição de forma objetiva, rápida e integrada, otimizando a eficiência na tomada de decisão.

O exercício de gestão de um órgão público não é algo simples. Os gestores públicos têm a necessidade de gerenciar o dinheiro dos impostos pagos pela população bem como de manter todos os dados atualizados, ter precisão nas decisões e agilidade nas ações. Destarte, assegura-se o emprego do princípio da eficiência dentro da Administração Pública.

Apesar de ser um benefício comprovado na prática por centenas de gestores públicos, muitos ainda continuam realizando os levantamentos de forma manual, aumentando consideravelmente o risco de tomar decisões equivocadas. Isso ocorre, pela dificuldade de correlacionar informações em várias dimensões sem um sistema automatizado de Business Intelligence para auxiliar na gestão da informação.

As ferramentas de BI auxiliam na otimização e na aceleração da tomada de decisões no dia a dia e no planejamento a longo prazo, podendo ser utilizadas para desenvolver estratégias que levem a um aumento dos benefícios tangíveis. Proporcionam economia de tempo com a apuração dos dados, reduzindo atrasos nas análises de rotina, pois é muito mais fácil acompanhar os indicadores chave regularmente. A análise de dados ajuda os gestores a desenvolver uma visão imediata para, assim, aprimorar sua deliberação com base no tratamento e na análise dos dados que se encontram à sua disposição.

Informações bem estruturadas e precisas criam um ambiente de trabalho mais diligente e enérgico — o que tem como consequência direta a melhora da condição a qual os trabalhadores estão sendo submetidos. Aprimorando, pois, as condições de trabalho, os colaboradores conseguirão lapidar o seu rendimento e sua produtividade, uma vez que se sentirão mais motivados e interessados em trabalhar e gerar resultados.

Com o emprego de uma análise de dados eficiente, vários indicadores de desempenho poderão ser coletados. Assim o gestor poderá identificar os maiores gargalos operacionais e administrativos dentro da corporação.

A designação da comissão inicialmente foi composta pelos membros abaixo nomeados, publicado no Boletim Geral nº 067, de 9 de abril de 2021, com o prazo de 180 (cento e oitenta) dias contados da publicação, para entrega dos trabalhos.

A comissão inicial foi composta pelos seguinte membros.

A comissão atual é composta pelos seguinte militares, conforme publicado Boletim Geral nº 077, de 27 de abril de 2022:

A lista de publicações em BG é a seguinte.

Ao final dos prazos de trabalho definidos em cada publicação de designação foram confeccionados os relatórios no SEI com a descrição das atividades desenvolvidas pela comissão.



Foi verificado a existência de 68 (sessenta e oito) bases de informações e cada uma contendo em diversas tabelas e campos necessitando um grande trabalho de mapeamento para identificação dos campos necessários para a elaboração dos referidos painéis.

Para acesso e tratamento dos dados foram utilizadas as seguintes ferramentas:

  • Microsoft Power BI desktop;
  • Microsoft Visual Studio;
  • PgAdmin;
  • Microsoft SQL Management;
  • Microsoft Excel;
  • Microsoft PowerPoint;
  • MySQL Admin;
  • Inkscape;
  • Entre outras ferramentas de edição de imagens.

O critério de adoção do Power BI para o desenvolvimento dos painéis de gestão foi devido às diversas funções e vantagens apresentadas pela ferramenta sendo algumas apresentadas abaixo:

  • Coleta, tratamento e análise de grandes volumes de dados;
  • Possibilidade de cruzar informações de várias fontes de dados diferentes;
  • Desenvolvimento e geração de Dashboards sem a ajuda da TI;
  • Compartilhamento de relatórios na web e com outros usuários;
  • Visão completa de métricas atualizadas em tempo real;
  • Unificação de dados armazenados na nuvem ou em ambiente local;
  • Disponível em todos os dispositivos móveis: computadores, smartphones e tablets;
  • É self-service, ou seja, permite o autoatendimento e autonomia;
  • Pode ser utilizado por profissionais de diversas áreas (operacional, financeiro, logística e administrativo)
  • Altamente customizável, permitindo que qualquer tipo de usuário crie Dashboards mais elaborados.

Os painéis encontram-se disponíveis no site Power BI. O acesso aos painéis deverá realizado com o e-mail institucional e a senha específica de acesso.

Para a padronização do layout dos painéis foi desenvolvido um manual de design que detalha as cores, formas e tipos de gráficos a serem utilizados.

Veja a lista dos painéis desenvolvidos

  • bi/publico/projeto_bi.txt
  • Última modificação: 2022/10/14 14:39
  • por 02147938181